Volks tira item de série do novo Polo e cobra a mais por isso

Antes oferecido de fábrica, banco dianteiro rebatível é vendido à parte por R$ 300; painel digital e rodas aro 17 agora fazem parte do kit Tech High



As primeiras unidades do novo Polo adquiridas durante a pré-venda ainda nem foram entregues, mas a Volkswagen já alterou a lista de itens opcionais do compacto.

As mudanças foram feitas na versão Highline, como indica o configurador oficial da marca na internet, e abrangem o desmembramento de itens até então associados à pacotes. E, claro, com alteração nos preços.

O pacote Technology Pack teve seu valor reduzido de R$ 4.500 para R$ 2.800, mas não por benevolência. Para abater R$ 1.700 da conta, a marca suprimiu dois itens: rodas de liga e o painel digital.

As rodas Razor de 17 polegadas, combinadas com pneus 205/50, podem ser adquiridas à parte por R$ 1.200.

Rodas de liga leve agora podem ser adquiridas separadamente (Divulgação/Volkswagen)

Já o painel digital, chamado pela marca de Active Info Display, traz uma vistosa tela de 10,4 polegadas. Esse item migrou para o pacote Tech High, que passou dos antigos R$ 2.800 para R$ 3.300.

O belo painel digital agora faz parte do pacote Tech High, vendido por R$ 3.300 (Divulgação/Volkswagen)

Além da tela, o Tech High traz também sensores de estacionamento dianteiro e traseiro, porta-malas com ajuste variável de espaço, antena, reconhecimento de comandos de voz, monitoramento da pressão dos pneus, câmera de ré, detector de fadiga, espelho retrovisor interno fotocrômico, faróis com regulagem automática de intensidade, rede no porta-malas, sensores de chuva e de luminosidade, sistema de navegação GPS e central multimídia Discover Media com tela de 8 polegadas.

Por fim, o banco do passageiro com encosto rebatível (que fazia parte da lista de itens de série), até então oferecido de fábrica, tornou-se opcional por R$ 300, dentro de um pacote (com só um equipamento) chamado Space Pack.

Banco do passageiro rebate para liberar mais espaço na cabine (Christian Castanho/Quatro Rodas)

Pelo menos o pacote Couro Native, que oferece revestimento em couro sintético para bancos e laterais de portas, continua à venda pelo mesmo valor: R$ 800.

Equipado com todos os opcionais, o Polo Highline agora custa R$ 75.240 com pintura sólida ou R$ 76.240, se encomendado com pintura metálica. Anteriormente, o valor máximo era R$ 75.940.

Versão Highline é vendida somente com o motor 1.0 TSI, de até 128 cv (Christian Castanho/Quatro Rodas)

Disponível apenas com a motorização 1.0 TSI e câmbio automático de seis marchas, o Polo Highline utiliza uma calibração diferente da adotada nos modelos Up! e Golf. São 128/115 cv com etanol/gasolina e 20,4 mkgf de torque máximo, independentemente do combustível utilizado, entre 2.000 e 3.500 rpm.

Dados informados pela VW indicam aceleração de 0 a 100 km/h em 9,6 segundos com etanol. Esta configuração é a mais potente entre todos os 1.0 TSI utilizados pela Volkswagen.